Mariano de Xangó

LightBlog

Breaking

04 julho 2018

Evento debate as “Questões Étnico-raciais e Políticas Públicas de Ações Afirmativas em Tempos de Exceção”



-3 de julho de 2018 - 17:22


O Projeto de Extensão Mapeamento das Comunidades Tradicionais de Terreiros de Mossoró e Região, através do Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros (NEAB) e do Grupo de Estudos Culturais (GRUESC), da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN), em parceria com o Movimento Fora da Ordem de Mossoró/RN, realizará nesta quarta-feira, 4 de julho, em Mossoró/RN, a mesa debate “Questões Étnico-raciais e Políticas Públicas de Ações Afirmativas em Tempos de Exceção”.

O evento ocorrerá às 19h, no auditório da Faculdade de Filosofia e Ciências Sociais (FAFIC/UERN), no Campus Central da UERN, aberto ao público e com emissão de certificado de 4 horas. Não é necessário fazer inscrição.

O momento visa reunir docentes, discentes e comunidade em geral, em especial as comunidades tradicionais de terreiros de religiões afro-brasileiras. Na oportunidade, será lançada a proposta de Mapeamento de Terreiros na cidade de Mossoró/RN.

Os expositores serão: Profª. Dra. Eliane Anselmo da Silva (NEAB/UERN), Lucia Helena Alves (Conselho Estadual de Segurança Alimentar e Nutricional – CONSEA/RN), Caramuru Paiva (Programa de Pós-Graduação em Planejamento e Dinâmicas Territoriais – PLANDITES/UERN) e Souza Neto (Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte – ALRN). A mediação será de Lucas Súllivam, do Movimento Fora de Ordem.

A UERN disponibilizará transporte para locomoção dos membros de terreiros de Mossoró. Quem se interessar, basta entrar em contato através dos e-mails: dcsp@uern.br e neab@uern.br.

Conforme os organizadores do evento, as políticas de ação afirmativa são uma forma de promover uma justiça compensatória, para corrigir os erros cometidos no passado contra os grupos que historicamente têm sido marginalizados e excluídos no país. É a chamada dívida histórica, que visa ser sanada através da redistribuição dos direitos. O objetivo da mesa é suscitar o debate sobre tais políticas, enquanto direitos conquistados, e suas garantias e reconhecimento diante do atual cenário político em que vivemos no Brasil.

A mesa é um momento específico, que faz parte de um conjunto de atividades de estudos, pesquisa e extensão sobre a temática étnico-racial desenvolvida no âmbito da UERN pelo NEAB, com o apoio do Departamento de Ciências Sociais e Política/DCSP e da FAFIC.

O QUE SÃO OGÃNS?

O QUE SÃO OGÃNS?
Ser Ogam é muito mais do que ser aquela pessoa no fundo do Terreiro, tocando pontos para as entidades, médiuns e assistentes. Ser Ogam é participar de forma efetiva e consciente nos trabalhos. Isso exige conhecimento, humildade, concentração, responsabilidade, mediunidade e amor. O Ogam é o responsável pelo canto, pelo toque, pela sustentação, pela parte física e equilíbrio harmônico dos rituais. Diferente do que muita gente pensa, um Ogam pode incorporar, porém, a sua mediunidade manifesta-se normalmente, de forma diferente do restante do corpo mediúnico. Manifesta, principalmente, através da intuição, das suas mãos, braços e cordas vocais. Os atabaques, quando devidamente consagrados e ativados pelos Ogãns, são verdadeiros instrumentos de auxílio espiritual, pois são capazes de canalizar, concentrar e irradiar energias que tanto podem ser movimentadas pelo próprio Ogam como pelas entidades de trabalho para os mais diversos fins

Juntos Somos Mais Forte!

Alguns textos, poemas e fotos foram retirados de variados
sites, caso alguém reconheça algo como sua criação e não
tenha sido dado os devidos créditos entre em contato.
''A intenção deste blog não é de plágio, mas sim de espalhar conhecimento e manter viva a nossa historia"

Ass: Mariano de Xangó
mariano_xango@yahoo.com

Quero fazer um pedido para vocês que se conectam com o nosso Blog.

Deixem seus comentários, pedidos e opiniões para que nosso blog fiquem cada vez mais atualizado para você, com bastante conteúdo quero que vocês nós ajudem,

E vocês de Axé se quiserem postar uma cantiga também será bem recebido.

Vamos fazer do blog um lugar informativo ao povo de Axé.
Obrigado!!!
e Axé a todos!!!!

Radio Sensorial Fm

Nosso Canal no youtube